Novidades
no site

Página inicial

Pesquisar no site

Administração
Diretoria

Editora Aleluia

Fotos

Formulários

 Igrejas

Links

Mídia:  vídeos

MISPA
Eventos

Pastores

Presbitérios

Seminários


 

  Sobre
  o autor:

Apresentação

Biografia

Fotos

Produção literária
 

 Pesquise
 artigos:
  Por autores  
  Por temas
  Por títulos
 

ARTIGOS
por títulos

A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M N O P
Q R S T
U V W X
  Y Z  

 

 
 
Comentários


 

O apóstolo Paulo, ao escrever
a Carta à Igreja em Éfeso, procurou trazer
à mente de seus destinatários
algumas verdades relevantes:

a)
o eterno propósito de Deus (1: 3-14);
b)
a graça redentora a todos os homens (2: 1-10);
c)
a unidade da Igreja (4: 1-16);
d)
a necessidade de um viver diário
digno do Senhor (5: 6). 

 

Para Paulo, aplicar estes princípios na vida resultaria em um crescimento espiritual sadio, levando o cristão à estatura da maturidade de Cristo ou à “estatura de varão perfeito”. Efésios 2: 21.
 

É possível vencer as barreiras e crescer

O versículo que deu base a esta meditação fala-nos de um edifício que, estando bem ajustado, terá como resultado o crescimento espiritual. Nestes últimos meses, venho edificando uma residência. A cada dia, vejo que o tijolo e a argamassa, somados ao trabalho de um profissional da construção civil, pouco a pouco fazem crescer um bonito edifício.

O propósito de Deus é ajustar nossas vidas de forma que cresçamos em todas as áreas do nosso viver, o que culminará em um forte edifício. Seremos homens e mulheres sarados, abençoados, vencedores e maduros espiritualmente. Contudo, apesar de ser esse o propósito de Deus, nem sempre isso tem ocorrido.

Ao olharmos para dentro de nós mesmos, para o nosso homem interior, temos encontrado limitações, barreiras e mesmo cadeias emocionais que tendem a gerar uma vida limitada, de frustrações, que atrapalham o nosso crescimento em Deus. Diante disso, surge-nos uma pergunta: o que fazer?

Lamentar, ou mesmo disfarçar, como se tudo estivesse bem, e acabando por aceitar tais situações de fracasso ou derrota seria uma opção. Ceder às limitações e, como escravo, manter a vida presa a estas realidades seria outra. Mas superar e, pela graça de Deus, obter o crescimento por Ele idealizado seria, com toda certeza, a melhor de todas as opções.

Como cristão, acredito que podemos superar e mesmo alcançar o crescimento idealizado por Deus em todas as áreas de nossas vidas.

O rei Davi, ao viver um momento de limitação interior, de acusação da consciência e perda da comunhão com Deus pelo pecado, bradou no Salmo 51: “Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto”... Sim, um coração puro e um espírito reto são o primeiro fator que nos ajudará a crescer em Deus, vencendo as limitações.

Situações que causaram transtornos a si mesmo e a outros, prejuízos, ofensas e mesmo o distanciamento de Deus pelo pecado ou esfriamento espiritual necessitam ser reparados. Pergunte-se: o que eu devo fazer para reparar esta situação? Zaqueu tem muito a nos ensinar sobre reparar ou restituir.

Esteja disposto a reparar, a restituir, a voltar atrás, se necessário for. Ofereça oportunidade para que Deus possa refazer sua vida e a de outras pessoas.

Fraquezas, pecados e mesmo os reveses da vida precisam ser confessados ou, então, tornar-se-ão cadeias e prisões tais que será impossível rompê-las. Confesse seus pecados a Deus e obtenha o Seu perdão.

Mudanças necessitam ocorrer em sua vida e não são impossíveis. Para obtê-las, basta disposição e força de vontade para mudar. Faça uma auto-análise. Considere o que há de errado e mude sua vida, pautando-a nos princípios da Palavra de Deus.
 

É possível buscar transformação e crescer

O segundo fator é estar aberto ao novo de Deus. Paulo bem expressou em sua Segunda Carta aos Coríntios: “Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo”.  Alguns, só de pensar, nem é necessário falar, e já deixam a resistência ao novo brotar em seu coração. Apenas por ser novo deve ser rejeitado?

O passado por vezes nos domina. Em alguns, por haver sido muito bom, uma grande experiência com Deus, um momento inesquecível. Diante disto, não conseguem acreditar que possa surgir novamente algo tão bom e aí ficam presos ao passado. Para outros, foi muito ruim, ou mesmo doloroso, e o medo de se ferir novamente os impede de crer em algo novo que possa ser de fato bom.

Bem, não importa. O que passou passou e não voltará outra vez. Por que razão ficar preso ao que já passou e resistir o novo de Deus? Tire os olhos do passado, viva o seu presente como um presente de Deus para você. Aprenda a olhar para o futuro. O melhor de Deus ainda está por vir em sua vida. Você se lembra do relato sobre as bodas de Caná da Galileia?
 

É possível crer em Deus e crescer

Finalmente, deixo com você umas poucas sugestões que suponho lhe ajudarão em seu crescimento em Deus.

a) Procure sempre se ver com a perspectiva de Deus.

b) Seja uma pessoa idealista, acreditando sempre no melhor.

c) Não desperdice seu tempo pensando nos fracassos e reveses da vida.

d) Aprenda com as experiências e siga sempre em frente.

e) Nunca culpe a ninguém por fracassos ou desilusões na vida.

f)  Assuma sempre a responsabilidade de suas ações e atitudes.

g)  Acredite nos sonhos e no chamado de Deus para você.

Ah... não se esqueça: crescer em Deus é possível!

........................

O autor

   

José Maurício Pereira

Pastor
da IPRB desde 04/04/1989.
Detentor do prontuário 528.
Membro da Diretoria Executiva da IPRB desde 2001.
Pastor da 1ª IPR de Aparecida de Goiânia, GO.
Artigo publicado no Jornal Aleluia de maio de 2006
.


 

Direitos autorais

Este artigo pode ser reproduzido livremente
para fins pessoais, sendo, porém, vedada sua publicação
sem autorização formal da Editora Aleluia.

 

   Comentários dos leitores

De Cláudia Cristina
Igreja Batista
Recife, PE

Bom seria se existisse gente assim com compromisso com Deus. Parabéns.
 

De Roberto Alves Ferreira
XIV IPR de Goiânia
Goiânia, GO

Mensagem muito importante, abençoada. Todo crescimento em Deus reflete um coração arrependido e renovado. O Pr. Maurício desempenha em seu ministério o verdadeiro amor em Cristo Jesus. Seu sucesso em dirigir o Presbitério de Goiânia baseia-se em sua disponibilidade de acesso aos pastores. Homem justo, íntegro e compromissado com a obra do Senhor.
 

De Lucas Araújo
Auriflama, SP

Gostaria de parabenizar o autor do artigo Crescer em Deus. Que Deus continue usando homens para levar sua mensagem a milhões de pessoas através das igrejas, rádios, tvs, jornais e pela internet. Creio que só o Senhor é Deus. Pai, permaneça entre nós, abençoando e iluminando homens e mulheres, fomentando novos conhecimentos aos seus líderes.
 

De Maria do Carmo Coelho Furlan
Assis, SP

Muito obrigada pela riqueza desta sua mensagem.
Será de grande ajuda para minha meditação.

 

Página atualizada em 19/01/2013